Revista de História

videos de historia

Loading...

História é Fácil

História é Fácil
A história estuda o Homem no tempo

Pesquisar este blog

Carregando...

sexta-feira, 6 de abril de 2012

Renascimento cultural

origem:Fuvest-1990


pergunta:A proliferação das universidades medievais, no século XIII, responsável por importantes transformações culturais, está relacionada:
a) ao Renascimento cultural promovido por Carlos Magno e pelos homens cultos que trouxe para sua corte.
b) à invenção da imprensa que possibilitou a reprodução dos livros a serem consultados por mestres e alunos.
c) à importância de se difundir o ensino do latim, língua utilizada pela Igreja para escrever tratados teológicos, cartas e livros.
d) ao crescimento do comércio, ao desenvolvimento das cidades e às aspirações de conhecimentos da burguesia.
e) à determinação de eliminar a ignorância e o analfabetismo da chamada Idade das Trevas.


resposta:[D]
tópico:


origem:Unicamp-1991


pergunta:"Renascimento é o nome dado a um movimento cultural italiano e às suas repercussões em outros países. Caracteriza-se pela busca da harmonia e do equilíbrio nas artes e na arquitetura acrescentando aos temas cristãos medievais outros temas inspirados na mitologia e na vida cotidiana." (DICIONÁRIO DO RENASCIMENTO ITALIANO, Zahar Editores, 1988) Em que momento da história européia se situa esse movimento e qual a principal fonte de inspiração para os intelectuais e artistas renascentistas?


resposta:Na transição feudo-capitalismo. Chamou-se "Renascimento" em virtude da redescoberta e revalorização das referências culturais da antigüidade clássica, que nortearam as mudanças deste período em direção a um ideal humanista e naturalista.
tópico:


origem:Unesp-1991


pergunta:A revolução cultural renascentista expressa um conjunto de mutações históricas. Esclareça a importância das cidades e dos mecenas para o Renascimento na Itália.


resposta:
tópico:


origem:Ufpr-1995


pergunta:No contexto do Renascimento, é correto afirmar que o Humanismo:
(01) Apoiava-se em concepções nascidas na Antigüidade Clássica.
(02) Teve em Erasmo de Rotterdam um de seus principais expoentes.
(04) Influenciou concepções que desencadearam a "Reforma Religiosa".
(08) Inspirou uma verdadeira revolução cultural, iniciada na Itália. (16) Contribuiu para o desenvolvimento dos estudos científicos. Soma = ( )


resposta:01 + 02 + 04 + 08 + 16 = 31
tópico:


origem:Unirio-1995


pergunta:Dentre os fatores que contribuíram para a eclosão do movimento reformista protestante, no início do século XVI, destacamos o(s):
a) declínio do nacionalismo no processo de formação dos estados modernos.
b) embate entre o progresso do capitalismo comercial e as teorias religiosas católicas.
c) fim do comércio de indulgências patrocinado pela Igreja Católica.
d) encerramento da liberdade de crítica provocado pelo Renascimento Cultural.
e) abusos cometidos pela Companhia de Jesus e pela ação política do Concílio de Trento.


resposta:[B]
tópico:


origem:Ufc-1996


pergunta:Os séculos XV e XVI foram marcados pelo auge do Renascimento Cultural na Itália. Esse movimento cultural teve por características:
(01) inspiração crítica nos valores e ideais da Antigüidade Clássica.
(02) defesa de uma reforma educacional, valorizando o estudo das "humanidades".
(04) descrença em relação às potencialidades da ciência e da razão.
(08) interpretação da vida baseada em uma visão antropocêntrica do mundo. (16) valorização dos ideais místicos e geocêntricos da "Idade das Trevas". Soma ( )


resposta:01 + 02 + 08 = 11
tópico:


origem:Ufba-1995


pergunta:"...comparar a Reforma com uma ponte que conduz não só de períodos escolásticos até ao nosso mundo do livre pensamento, mas, também, em direção oposta, adentro da Idade Média - talvez ainda mais além, sob a forma de uma transmissão cristã-católica, preservada do cisma, de um alegre amor à Cultura." (MANN, p. 13) Associando seus conhecimentos à análise do texto anterior, conclui-se que a Reforma:
(01) significou a reafirmação doutrinária e a reorganização institucional da Igreja de Roma.
(02) buscou resgatar as doutrinas teológico-filosóficas predominantes na Idade Média, caracterizadas pelos conflitos entre a fé e a razão.
(04) constituiu-se um renascimento religioso, por se contextualizar no processo geral de mudanças da Idade Média para a Idade Moderna.
(08) constituiu-se um marco cultural, vez que nos remete da Idade Média à Modernidade e, em sentido oposto, ao Mundo Antigo. (16) procurou recuperar o contato com as origens do pensamento cristão, impregnadas de simplicidade, de pureza e de amor à cultura. (32) caracterizou-se por um profundo revigoramento da espiritualidade católica e pela valorização da vida voltada para as coisas do espírito. (64) representou o fim da supremacia eclesiástica na Europa e o surgimento de diversas Igrejas reformadas, denominadas genericamente de protestantes. Soma ( )


resposta:02 + 04 + 08 + 16 + 64 = 94
tópico:História Geral


origem:Ufba-1993


pergunta:Em relação ao legado cultural dos romanos à Civilização Ocidental, pode-se afirmar:
(01) Esse legado foi transmitido à civilização moderna e contemporânea através dos povos "bárbaros", os quais, assimilados à cultura romana, lançaram as bases das modernas nações européias.
(02) Conhecimentos científicos sobre matemática e ciências naturais foram amplamente aprofundados pelos romanos, constituindo-se posteriormente na base para os avanços realizados durante o Renascimento.
(04) A estrutura administrativa dos romanos, no que se refere aos governos locais e ao papel dos edis , ofereceu subsídios para a moderna administração municipal.
(08) O esforço dos romanos no sentido de sistematizar suas leis, através do CORPUS JURIS CIVILIS, foi totalmente perdido, após as alterações provocadas pelos povos "bárbaros", no Império. (16) A religião cristã, aceita sem dificuldades pelo Império Romano, foi utilizada como instrumento de poder e dominação daquele povo sobre os árabes, os judeus e os germanos. Soma ( )


resposta:01 + 04 = 05
tópico:


origem:Puccamp-1994


pergunta:No estudo do processo de transformação cultural do mundo europeu, no início dos Tempos Modernos, isto é, do Renascimento, verifica-se que, em Portugal,
a) Gil Vicente introduziu o teatro com a obra "TRIOLOGIA DAS BARCAS".
b) Camões, em seus sonetos, enaltece a Dinastia de Bragança.
c) Garcia de Rezende acentua a dependência da poesia em relação à música.
d) "A FARSA DE INÊS PEREIRA" é teatro clássico religioso de Camilo Castelo Branco.
e) Fernão Lopes, pai da historiografia portuguesa, foi nomeado Cronista-Mor da Torre do Tombo em 1434.


resposta:[E]
tópico:História Geral


origem:Uel-1995


pergunta:Os contatos freqüentes entre as civilizações bizantina e européia, na Baixa Idade Média,
a) concorreram para a universalização das heresias.
b) fortaleceram as relações servis de produção.
c) contribuíram para o renascimento cultural.
d) impulsionaram o processo de ruralização.
e) favoreceram a descentralização política.


resposta:[C]
tópico:


origem:Outros


pergunta:Quem foram os Mecenas no Renascimento Cultural?


resposta:
tópico:


origem:Unicamp-1997


pergunta:"Já fiz planos de pontes muito leves (...). Conheço os meios de destruir seja que castelo for (...). Sei construir bombardas fáceis de deslocar, carros cobertos, inatacáveis e seguros, armados com canhões. Estou (...) em condições de competir com qualquer outro arquiteto, tanto para construir edifícios públicos ou privados como para conduzir água de um lugar para outro. E, em trabalhos de pintura ou na lavra do mármore, do metal ou da argila, farei obras que seguramente suportarão o confronto com as de qualquer outro, seja ele quem for." [Leonardo da Vinci (retirado de Jean Delumeau, A CIVILIZAÇÃO DO RENASCIMENTO, Lisboa, Editorial Estampa, 1984, vol. 1, p. 154)] O texto lido é parte da carta com que Leonardo da Vinci, em 1482, pedia emprego na corte de Ludovico, o Mouro. No trecho, estão alguns dos elementos principais que caracterizam o Renascimento como movimento cultural.
a) Identifique três desses elementos.
b) Como se dava o patrocínio dos artistas e técnicos do Renascimento?


resposta:
tópico:


origem:Unb-1997


pergunta:"A consciência da oposição entre coisas antigas e modernas , e com ela a formação de um conceito de modernidade, surgiu durante o Renascimento, no século XVI. À visão religiosa de mundo da nobreza e do clero, difundida na Idade Média, começa a contrapor-se outra visão, a burguesa. Tal mudança coloca o homem no centro do universo (conceito antropocêntrico), abrindo novas perspectivas ao pensamento político e religioso, assim como ao desenvolvimento das ciências." (Carlos G. Mota, HISTÓRIA MODERNA E CONTEMPORÂNEA.) No que se refere ao Renascimento, julgue os seguintes itens.

(1) Processo de renovação cultural, o Renascimento refletia o gradativo crescimento da burguesia, da vida urbana e das atividades mercantis, em marcha desde a Baixa Idade Média.
(2) O racionalismo, uma das características centrais do movimento renascentista, estimulou o nascimento da ciência moderna, ao incentivar a pesquisa objetiva e o método experimental.
(3) A literatura renascentista de elevado senso crítico e comprometida com a elaboração de um novo conceito de vida e de homem também contribuiu para a consolidação dos novos idiomas nacionais, derivados do latim.
(4) No campo das artes, o Renascimento afastou-se do modelo clássico: as figuras humanas foram retratadas sem a preocupação com estudos anatômicos, técnicas de cores ou uso da perspectiva.


resposta:V V V F
tópico:


origem:Unb-1996


pergunta:Com o auxílio das informações contidas no texto, julgue os seguintes itens, relativos ao Renascimento e à Reforma. (0) Iniciando um processo de renovação cultural, desenvolvido nos séculos XV e XVI, o Renascimento teve, no racionalismo, a sua característica essencial.

(1) A Península Ibérica, de forte tradição urbana, foi o berço do movimento renascentista.
(2) Embora tenha questionado a autoridade do Papa e os domas católicos, a Reforma Protestante, desencadeada por Calvino, não foi capaz de romper a unidade religiosa da Europa Ocidental.
(3) Do ponto de vista econômico, a corrente calvinista identifica-se com as aspirações da burguesia, especialmente pelo culto do trabalho bem-sucedido e pela liberação do juro.


resposta:V F F V
tópico:


origem:Unb-1999


pergunta:Na História Ocidental, a Idade Moderna (séc. XV-XVIII) é considerada uma fase de transição, assinalando a passagem do feudalismo ao futuro capitalismo burguês. As transformações operadas nesse período, além de profundas, estavam entrelaçadas, atingindo todos os setores da vida da sociedade. Acerca dessas transformações, julgue os itens seguintes.

(1) Do Renascimento - séculos XV e XVI - ao Iluminismo - século XVIII -, houve uma linha de desenvolvimento cultural que, partindo da contestação ao teocentrismo medieval, chegou à construção do moderno conceito de ciência, assentado no racionalismo humanista.
(2) Enquanto Shakespeare inaugurava o teatro inglês, seu contemporâneo Francis Bacon tornava-se o primeiro grande teórico moderno da ciência, elegendo o método indutivo como o caminho seguro para a construção do conhecimento.
(3) Apoiados pelas poderosas forças religiosas da época, Nicolau Copérnico, Johannes Kepler e Galileu Galilei deram extraordinário impulso aos estudos da astronomia, mas tendo o cuidado de vinculá-los aos textos sagrados.
(4) A expansão comercial e marítima, a ampliação dos horizontes humanos a fundação de uma nova geografia integraram um mesmo contexto inovador, intimamente associado aos inventos e às descobertas científicas da época.


resposta:V V F V
tópico:


origem:Puccamp-1999


pergunta:O Renascimento, engendrado no contexto da crise geral do final da Idade Média, foi um processo de intensa renovação cultural. Sobre o Renascimento pode-se afirmar que
a) ao garantir a participação do povo no movimento, conseguiu aproximar a arte popular da erudita.
b) frustrou a burguesia emergente em seus objetivos de ascensão social e poder político.
c) se propagou rapidamente pela Europa, mantendo as mesmas características em todos os lugares.
d) significou uma brusca ruptura com a religiosidade tradicional da Idade Média.
e) teve no racionalismo um de seus elementos definidores.


resposta:[E]
tópico:


origem:Uel-1999


pergunta:Dentre os fatores que contribuíram para a difusão do Movimento Reformista Protestante, no início do século XVI, destaca-se
a) o cerceamento da liberdade de crítica provocado pelo Renascimento Cultural.
b) o declínio do particularismo urbano que veio a favorecer o aparecimento das Universidades.
c) o abuso político cometido pela Companhia de Jesus.
d) o conflito político observado tanto na Alemanha como na França.
e) a inadequação das teorias religiosas católicas para com o progresso do capitalismo comercial.


resposta:[E]
tópico:


origem:Uece-1999


pergunta:O fim do período feudal se caracterizou pela renovação cultural, artística e filosófica, em contraposição aos valores medievais até então predominantes. Com relação a esta nova visão do mundo, podemos afirmar corretamente que:
a) apesar da renovação cultural, a concepção teológica do mundo, típica do período medieval, permaneceu predominante na Europa.
b) ao recuperar os valores da Antigüidade Clássica, o Renascimento abandona a religião e a cultura cristã.
c) as mudanças culturais correspondiam aos nascentes interesses burgueses, que valorizavam o luxo ostensivo e o desperdício de riquezas em festas e bens culturais.
d) o próprio termo Renascimento corresponde a uma tentativa de recuperar os valores antropocêntricos da Antigüidade clássica, esquecidos pela Idade Média.


resposta:[D]
tópico:


origem:Mackenzie-1999


pergunta:O impulso cultural do Renascimento revigorou valores opostos aos dos homens medievais. Em todos os campos do saber emergiu uma vitalidade cultural que rompia com os tradicionais limites. (Pietro Maria Bardi) Assinale a alternativa correspondente aos valores medievais a que o texto faz referência.
a) Hedonismo, Individualismo e Humanismo
b) Neoplatonismo, Naturalismo e Otimismo
c) Racionalismo, Antropocentrismo e Individualismo
d) Teocentrismo, Coletivismo e Misticismo
e) Antropocentrismo, Heliocentrismo e Naturalismo


resposta:[D]
tópico:História Geral


origem:Ufpe-2000


pergunta:Sobre a cultura brasileira no século XX, são corretas as afirmações que seguem. (0) Após a Segunda Guerra Mundial, a civilização ocidental passou por grandes transformações de comportamento, cujos reflexos podem ser notados no Brasil: consumo de eletrodomésticos, indústria automobilística, mudanças na moda e nos hábitos alimentares.

(1) A Bossa Nova, como parte do movimento cultural ocidental do século XX, surgiu no Brasil e teve, através das músicas de Tom Jobim, João Gilberto e outros, grande repercussão mundial.
(2) Deus e o Diabo na Terra do Sol, título de um filme do cineasta Glauber Rocha, desenvolve uma temática urbana, própria de cidades como Nova York, Berlim e Londres.
(3) Na década de 90, assistimos ao renascimento do cinema nacional com filmes como: Sábado, Quatrilho, Carlota Joaquina, O Guarani, O Baile Perfumado, Central do Brasil.
(4) Tarcila do Amaral e Oswald de Andrade fizeram parte do movimento modernista brasileiro.


resposta:V V F V V
tópico:


origem:Puccamp-2000


pergunta:Leia o texto e observe o detalhe da pintura "Gioconda", de Leonardo da Vinci.

"Quanto mais a vida econômica e social se emancipa dos grilhões do dogma eclesiástico, tanto mais a arte se volta para a realidade imediata." (Arnold Hauser. "História social da literatura e da arte". 2. ed. Tradução de Walter H. Geenen. São Paulo: Mestre Jou, 1972. p. 358) Com base no conhecimento histórico e tendo como referenciais a pintura e o texto de Hauser, pode-se afirmar que o Renascimento
a) refletiu, no universo cultural, as transformações que ocorreram no período de transição para uma sociedade fundamentada no antropocentrismo.
b) resgatou os princípios culturais fundamentais das antigas sociedades orientais, servindo como um elemento de propagação desses princípios no mundo Ocidental.
c) representou uma ruptura na forma de interpretar a natureza, propiciando inclusive a possibilidade de o artista pintar figuras femininas o que era proibido pela Igreja cristã na Baixa Idade Média.
d) não alterou significativamente a interpretação que os artistas tinham da realidade, já que as imagens dos seres humanos expressavam as figuras simbólicas de santos cristãos.
e) não teve grandes repercussões na sociedade ocidental, uma vez que foi um fenômeno tipicamente italiano de rebeldia à influência que a Igreja exercia no mundo das artes.


resposta:[A]
tópico:


origem:Ufsm-2000


pergunta:ASSERÇÃO O renascimento cultural implicou transformações de valores e de comportamentos, PORQUE RAZÃO se originou da crise da ordem feudal e do enfraquecimento da vida urbana e comercial.
a) Asserção correta, razão correta, e a razão justifica a asserção.
b) Asserção correta, razão correta, mas a razão não justifica a asserção.
c) Asserção correta, razão errada.
d) Asserção errada, razão correta.
e) Asserção e razão erradas.


resposta:[C]
tópico:


origem:Ufsc-2001


pergunta:O trecho abaixo é um diálogo entre D. Quixote e seu fiel escudeiro Sancho Pança, personagens da monumental obra de Miguel Cervantes, Dom Quixote de La Mancha. "... " Quais gigantes? - Disse Sancho Pança. - Aqueles que ali vês - respondeu o amo [...] - Olhe bem Vossa Mercê - disse o escudeiro que aquilo não são gigantes, são moinhos de vento. [...] - Bem se vê - respondeu Dom Quixote - que não andas corrente nisto das aventuras, são gigantes, são; e se tens medo tira-te dai e põe-te em oração enquanto eu vou entrar com eles em [...] desigual batalha. "..." CERVANTES de Saavedra, Miguel de. "Dom Quixote de La Mancha." São Paulo, Abril Cultural, 1981. p. 55. Analisando o texto, o momento e as circunstâncias em que foi escrito, assinale a(s) proposição(ões) CORRETA(S). 01. "Dom Quixote de La Mancha" é uma das principais obras do chamado Renascimento Cultural. 02. "Dom Quixote", como a maioria das obras do Renascimento, defende intransigentemente as instituições medievais, daí seu principal personagem ser um "cavaleiro andante". 04. William Shakespeare, autor de "Romeu e Julieta", "Hamlet", "Macbeth" e muitas outras obras e Luís de Camões, autor de "Os Lusíadas", também foram autores do chamado Renascimento Literário. 08. O Renascimento provocou mudanças na literatura, arquitetura, escultura, pintura, música e nas ciências. 16. O movimento renascentista representou o novo, o moderno - o mundo das cidades e do dinheiro, e se opunha aos conceitos e instituições medievais. 32. Renascença atingiu a Espanha de Miguel Cervantes, Portugal, a Inglaterra e os Países Baixos. Teve seu início nos grandes centros comerciais italianos como Veneza, Florença e Milão.


resposta:01 + 04 + 08 + 16 + 32 = 61
tópico:


origem:Mackenzie-2001


pergunta:Renascimento é a denominação usual para as mudanças de caráter cultural ocorridas nos países europeus durante o período que vai, aproximadamente, de 1300 a 1650. No campo das ciências e das artes podemos considerar como expressões desse período os trabalhos de:
a) René Descartes, Ludwig van Beethoven e Thomas Malthus.
b) Augusto Comte, Adam Smith e Igor Stravinsky.
c) Fillippo Marinetti, Luigi Russolo e R. Colligwood.
d) Johann Kepler, Josquin des Prés e William Shakespeare.
e) Richard Wagner, Georg Wilhelm Hegel e Francisco Goya.


resposta:[D]
tópico:


origem:Ufc-2002


pergunta:Leia o texto seguinte. "Entre o início do século XII e meados do século XV, por todo o Ocidente se produziu, em graus de fato diversos, uma mutação profunda, ligada à generalização da escrita nas administrações públicas, que levou a racionalizar e sistematizar o uso da memória." (ZUMTHOR, Paul. "A Letra e a Voz: a Literatura Medieval." São Paulo. Companhia das Letras. 1993. p. 28) Considerando o comentário apresentado acima sobre a Idade Média, é correto afirmar que:
a) a centralização monárquica, na maioria dos países europeus, popularizou o uso da escrita.
b) as transformações culturais registradas resultaram da Revolução Comercial iniciada no século VII.
c) a valorização da escrita na administração pública decorreu da expansão das universidades medievais.
d) a descentralização política incentivou a concorrência feudal, favorecendo o desenvolvimento cultural.
e) o renascimento urbano e o desenvolvimento comercial estimularam o emprego da escrita para além dos mosteiros.


resposta:[E]
tópico:História Geral


origem:Pucrs-2003


pergunta:Dentre os Reinos Bárbaros, surgidos após as invasões germânicas e o fim do Império Romano, o Reino Franco foi o mais importante, porque
a) os Reis Francos se converteram ao Cristianismo e defenderam o Ocidente contra o avanço dos muçulmanos.
b) promoveu o desenvolvimento das atividades comerciais entre o Ocidente e o Oriente, através das Cruzadas.
c) nesse período a Sociedade Feudal atingiu sua conformação clássica e o apogeu econômico e cultural.
d) houve uma centralização do poder e viveu-se um período de paz externa e interna, o que permitiu controlar o poder dos nobres sobre os servos.
e) os Reis Francos conseguiram realizar uma síntese entre a cultura romana e a oriental, que serviria de inspiração ao Renascimento Cultural do século XIV.


resposta:[A]
tópico:


origem:Ufc-2003


pergunta:"Quando reconsidero ou observo os Estados florescentes, não vejo neles, Deus me perdoe, senão uma espécie de conspiração dos ricos para cuidar de seus interesses pessoais". (MORUS, Tomás. "A Utopia". Porto Alegre, L&PM, 1997 p.163) Este trecho do livro Utopia, de Tomás Morus, publicado em 1516, no qual o autor descreve um lugar imaginário sem propriedade privada nem dinheiro, onde prevalece a preocupação com a felicidade coletiva, deve ser atribuído ao seguinte movimento:
a) ao Renascimento, movimento de renovação cultural que se preocupava com o homem e sua organização social.
b) ao anarquismo, que pregava a destruição do Estado.
c) ao Iluminismo, que propunha a divisão dos três poderes: legislativo, executivo e judiciário.
d) ao socialismo, que propunha a tomada do poder pelo proletariado.
e) à Reforma Protestante, que questionava o poder da Igreja de Roma de interferir nas políticas nacionais.


resposta:[A]
tópico:


origem:Uel-2003


pergunta:O Renascimento, amplo movimento artístico, literário e científico, expandiu-se da Península Itálica por quase toda a Europa, provocando transformações na sociedade. Sobre o tema, é correto afirmar:
a) O racionalismo renascentista reforçou o princípio da autoridade da ciência teológica e da tradição medieval.
b) Houve o resgate, pelos intelectuais renascentistas, dos ideais medievais ligados aos dogmas do catolicismo, sobretudo da concepção teocêntrica de mundo.
c) Nesse período, reafirmou-se a idéia de homem cidadão, que terminou por enfraquecer os sentimentos de identidade nacional e cultural, os quais contribuíram para o fim das monarquias absolutas.
d) O humanismo pregou a determinação das ações humanas pelo divino e negou que o homem tivesse a capacidade de agir sobre o mundo, transformando-o de acordo com sua vontade e interesse.
e) Os estudiosos do período buscaram apoio na observação, no método experimental e na reflexão racional, valorizando a natureza e o ser humano.


resposta:[E]
tópico:


origem:Uem-2004


pergunta:O início dos tempos modernos foi marcado por uma série de transformações em todos os aspectos, na Europa. Entre tais transformações, destaca-se, no tocante à religiosidade, a chamada Reforma Protestante. A esse respeito, assinale a(s) alternativa(s) correta(s). 01) Analisada em seu conjunto, pode-se afirmar que a Reforma se originou das condições gerais da Europa no século XVI. A Igreja estava em crise, a burguesia crescia em importância, os Estados modernos se organizavam e o Renascimento Cultural possibilitava a liberdade de crítica. 02) Em meados do século XVI, o Concílio de Trento reafirmou os dogmas da Igreja romana e, entre outras medidas, proibiu a venda de indulgências e criou o índex, lista de livros cuja leitura era proibida aos fiéis. 04) A Igreja condenava a usura e pregava o "preço justo" na venda de mercadorias. Tal postura era incompatível com o desenvolvimento da economia mercantil que ocorria nos séculos XV e XVI. 08) O comércio de indulgências e a simonia foram alguns dos poucos aspectos do comportamento do clero que não sofreram críticas por parte de Martinho Lutero e Calvino. 16) O Tribunal da Santa Inquisição - Tribunal eclesiástico - utilizava métodos violentos para interrogar, julgar e condenar os suspeitos de heresia.


resposta:23
tópico:


origem:Fgv-2006


pergunta:"Quando este impulso para o desenvolvimento individual mais elevado se combinava com uma natureza poderosa e variada, que já se havia assenhoreado de todos os elementos da cultura, surgia o homem multifacetado - l uomo universale - que pertencia só à Itália. (...) No Renascimento italiano encontramos artistas que, em todos os ramos, criavam obras novas e perfeitas, e que causavam também a maior impressão como homens. Outros, além das artes que praticavam, eram mestres de um amplo círculo de interesses espirituais." BURCKHARDT, Jacob. "A cultura do Renascimento na Itália". Brasília: Universidade de Brasília, 1991, pp. 84-5. Caracterizam a produção cultural e científica do Renascimento:
a) A descoberta da perspectiva nas artes plásticas; a invenção da luneta astronômica; "O Príncipe" de Maquiavel.
b) A teoria heliocêntrica; o desenvolvimento da cartografia; o maneirismo nas artes.
c) A invenção da luneta astronômica; as "Confissões" de Santo Agostinho; a tradução de textos da antiguidade greco-romana.
d) A descoberta da perspectiva; a "Eneida" de Virgílio; a invenção da imprensa.
e) A valorização dos idiomas nacionais; a tradução de textos da antiguidade greco-romana; a pintura hierática.


resposta:[A]
tópico:


origem:Pucrs-2006


pergunta:O Renascimento, movimento cultural com origem na Itália, e o Humanismo, no princípio da Idade Moderna, tiveram repercussão social de caráter _________. Ao representarem as relações do homem com Deus e com a natureza, as obras renascentistas caracterizaram-se pelo _________, ao passo que a renovação científica do período criou uma nova imagem do universo físico, marcada pelo _________.
a) popular - antropocentrismo - geocentrismo
b) elitista - teocentrismo - heliocentrismo
c) popular - antropocentrismo - heliocentrismo
d) popular - teocentrismo - geocentrismo
e) elitista - antropocentrismo - heliocentrismo


resposta:[E]
tópico:


origem:Ueg-2006


pergunta:A Europa do século XIV passava por uma profunda inquietação intelectual, caracterizada pela idéia de renovação cultural e por uma visão essencialmente crítica da sociedade. Esse fenômeno ficou conhecido como Renascimento. A partir do exposto, julgue a validade das proposições que se seguem. I. A ampliação do raciocínio científico nessa época, com ênfase no método experimental, levou à refutação progressiva das interpretações dogmáticas e também a atitudes de valorização da razão. II. Passou-se a rejeitar os valores greco-latinos, objetivando preservar a pureza dos valores cristãos. Essa rejeição pode ser percebida em Tomás de Aquino e Santo Agostinho. III. Estabeleceram-se condições para que o individualismo se difundisse. Assim, por exemplo, os artistas passaram a assinar as suas obras, enquanto os nobres e burgueses mandavam fazer retratos e estátuas de si mesmos. Assinale a alternativa CORRETA:
a) As proposições I e II são verdadeiras.
b) As proposições I e III são verdadeiras.
c) As proposições II e III são verdadeiras.
d) Todas as proposições são verdadeiras.


resposta:[B]
tópico:História Geral


origem:Uel-2008



origem:Unesp-2012


pergunta:Os centros artísticos, na verdade, poderiam ser definidos como lugares caracterizados pela presença de um número razoável de artistas e de grupos significativos de consumidores, que por motivações variadas — glorificação familiar ou individual, desejo de hegemonia ou ânsia de salvação eterna — estão dispostos a investir em obras de arte uma parte das suas riquezas. Este último ponto implica, evidentemente, que o centro seja um lugar ao qual afluem quantidades consideráveis de recursos eventualmente destinados à produção artística. Além disso, poderá ser dotado de instituições de tutela, formação e promoção de artistas, bem como de distribuição das obras. Por fim, terá um público muito mais vasto que o dos consumidores propriamente ditos: um público não homogêneo, certamente (...).

(Carlo Ginzburg. A micro-história e outros ensaios, 1991.)

Os “centros artísticos” descritos no texto podem ser identificados
(A) nos mosteiros medievais, onde se valorizava especialmente a arte sacra.
(B) nas cidades modernas, onde floresceu o Renascimento cultural.
(C) nos centros urbanos romanos, onde predominava a escultura gótica.
(D) nas cidades-estados gregas, onde o estilo dórico era hegemônico.
(E) nos castelos senhoriais, onde prevalecia a arquitetura românica




resposta:[B]

Nenhum comentário: